segunda-feira, 30 de novembro de 2009

Hamlet.


Oi gente!!!
Bem, faz um tempinho que eu não falo sobre meus filhos, ou sobre filhos dos meus amigos, por isso, hoje vou falar do filho do meu sobrinho que virou filho adotivo da minha sobrinha...ufa!!!
Minha cunhada achou que meu sobrinho estava muito sozinho em Sampa e resolveu dar-lhe uma companhia.....
Até aí gente, eu compreendo, só não acho legal, deixar o cachorrinho sozinho, quase sem comida e além de tudo respirando a fumaça de cigarro que meu sobrinho fumava.
Sem contar que o sem-noção comeu a tela de proteção da varanda que fica do décimo andar do prédio.
Pedi o cachorrinho para mim, mas não me deram...falaram que eu não iria cuidar muito bem, que na minha casa há muitos cachorros e blá, blá, blá....
Enfim, ele veio de Sampa para morar na casa da minha cunhada. Lá, ele adotou minha sobrinha como mãe e os dois estão dando super bem. Pena que ele faz xixi por aí, é super mal educado e bem estressadinho.
Mas tá vivo!
Se chama Hamlet, coitado....ser ou não ser, eis a questão....
Um beijo!
PS. Nem por decreto que consigo tirar algum cachorro daquela casa. Tem uma poodle lá, a Mel, que é minha paixão, mas nem ela eu consigo trazer para casa. Ô turma do barilho, viu!

10 comentários:

Tânia (Marienkäfer Laden) disse...

Essa coisa de adoção pra agradar só uma das partes não presta. Ainda bem q o Hamlet simpatizou com sua sobrinha! Bjs!

Fernanda e Pink disse...

que bom que o Hamlet está com sua sobrinha... que ambos sejam felizes!!!

Claudia disse...

Que situação...pro Hamlet
Espero que tudo fique bem pra ele!

Tb tava com saudades de escever.
Além da falta de tempo,tava sem assunto.rs!
Obrigada pela visita. Vc é uma queridona!
bjs, bjs e uma ótima semana

Gisa disse...

Ele pode ser mal educado e estressadinho, mas é muuuito bonitinho. Ainda bem que está se dando bem com tua sobrinha. Boa sorte para o fofinho! Beijos e uma linda semana para ti e teus filhotes!

Arte dos Gatos disse...

Ele é muito linddooo, porque isso que é sapeca!
Bj

VISÃO CRISTÃ disse...

OLHANDO PARA JESUS

Por: William Vicente Borges



Elevei os meus olhos

depois de um longo tempo cabisbaixo

parecia um porco que só via lama

até esqueci que o céu era azul


Não se explica como se chega neste estado

não nos damos conta disso

de repente a melancolia toma conta

e até achamos isso normal


Elevei os meus olhos

não pense que foi fácil

foi um processo de reconhecimento

reconheci meu estado


Olhava-me no espelho

e nele um rosto com olheiras

um olhar sem brilho

uma face sem beleza


Depois de tanto adiar

resolvi olhar para cima

e aquele que não olha pra cima

tinha seu olhar em mim


E assim olhando para Jesus

que sempre olhou para mim

saí da lama, saí da tristeza

e consegui ir em frente


Elevei os meus olhos

não pense que foi fácil

foi um processo de reconhecimento

reconheci meu Salvador


..................
Primavera de 2009

Ana, Aprendiz de Anjo disse...

Oi Andréa, passamos para saber de ti, para deixar um beijos, muitas lambeijocas e principalmente para pedir que Deus te abençoe porque um coração como o seu só pode ser um presente de Deus. Amadoramos muito você!

Ana, Aprendiz de Anjo disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cães e Focinhos disse...

nao entendi mui bem eles nao cuidam direito e isso?que dozinho

Claudia disse...

Andrea,
Obrigada pelo comentário sobre o Junior.
bjs e uma ótima semana!